Please log in to view / edit your profile.

Your display name will appear here.
Hide from Public
Password must be at least 7 characters long. To make it stronger, use upper and lower case letters, numbers and symbols.
Type your password again.
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public
Hide from Public

Dicas e Curiosidades
do Papel

O papel faz parte da sua vida nos momentos mais importantes, seja para anotar, registrar, planejar, ler e aprender, além de contar as melhores histórias. Confira conteúdos exclusivos sobre o universo do papel e as curiosidades sobre esse produto que a gente tanto adora no blog Adoro Papel: http://adoropapel.com.br/

Algumas dicas para obter o melhor do papel

 

  1. Escolha do formato e gramatura (opções)
  2. Utilização do lado correto da folha
    (selo da embalagem com: imprimir este lado primeiro)
  3. Cuidado com a umidade
    (manter em uma embalagem fechada)
  4. Não ventilar as remas
  5. Não utilizar estufa

 

Cuidados com armazenagem e manuseio

 

  1. Empilhamento máximo de 3 paletes
  2. Não colocar caixas direto no chão
  3. Deixar os paletes com distância mínima de 40 cm da parede
  4. No transporte das caixas, carregar pela alça e nunca pela cinta
  5. No transporte em veículos, garantir que a carga está bem travada e segura para não causar danos ao papel
  6. Informar código de rastreabilidade em caso de avarias e/ou defeito de fabricação

 

Benefícios que vão além do papel

 

  1. Embalagem 100% reciclável
  2. Única com sistema abre-fácil
  3. Garantia de 99,99% de não-atolamento
  4. Garantia de não alimentação de múltiplas folhas na impressora*

Excelente qualidade do corte das folhas, especificação para as dimensões de formato menor que a exigida pelo INMETRO. Esquadro perfeito das folhas (alinhamento papel).

Quer saber como o seu Chamex é produzido? Confira nossos passos abaixo.


  • O Centro da Tecnologia Florestal

    O processo de fabricação do papel tem início no Centro de Tecnologia Florestal da International Paper, onde são desenvolvidos estudos e pesquisas que incrementam produtividade e qualidade da matéria-prima.

  • O Cultivo do Eucalipto

    O cultivo das florestas de eucalipto é beneficiado com ações como o melhoramento genético e a clonagem das melhores matrizes para plantio. As mudas são plantadas de acordo com critérios que garantam melhores condições de desenvolvimento das árvores.

  • Controle de Qualidade

    Durante o período de crescimento, as florestas de eucalipto são constantemente monitoradas para evitar possíveis danos causados por pragas, doenças ou incêndios florestais. Todas as nossas florestas são renováveis, aliando sempre o plantio comercial à recomposição de florestas naturais. Sem esquecer a preservação de espécies nativas e da fauna silvestre da região. Seguimos os rigorosos padrões ambientais da norma internacional ISO 14001.

  • Maturação

    Após sete anos de cultivo, o eucalipto está pronto para ser colhido e utilizado no processo de fabricação do papel. Novas mudas são também plantadas e cultivadas, garantindo um ciclo de consumo fechado, renovável e responsável na utilização das florestas comerciais de eucalipto.

  • Preparação e Cozimento

    As toras passam por um grande cilindro descascador, onde colidem uma com a outra e friccionam até que a casca seja removida. Quando descascadas passam por um picador, que as reduz a lascas de madeira. Para a extração da celulose, os cavacos são levados até o digestor, que funciona como uma panela de pressão. A madeira é cozida juntamente com produtos químicos por até 4 horas, até que a mistura seja reduzida a uma pasta de celulose com coloração escura. A celulose é lavada para remover os produtos químicos e passa por um processo de branqueamento, que elimina todas as impurezas, transformando-a em celulose branqueada.

  • Formação do Papel

    Água é adicionada à celulose em uma relação de 100 porções de água para uma porção de fibra. É pulverizada sobre uma tela formada da folha. Assim, a folha de papel já começa a tomar forma e gramatura, definidas através de ajustes de velocidade e concentração da massa celulose branqueada.

  • Transformação em Bobina

    Com a máquina de papel rodando em alta velocidade, o Chamex é pressionado entre feltros e a água é removida por secagem através de cilindros chamados secadores. Após secar, o papel recebe um banho de amido para aprimorar as características de impressão, vindo a secar novamente em uma nova seção de secadores. Em seguida, atravessa um processo de prensagem e alisamento que visa alisar a superfície e controlar a espessura. O papel segue para a enroladeira onde a folha é transformada em um grande rolo de papel para futura confecção de rolos menores nas rebobinadeiras, denominadas bobinas.

  • Acabamento

    As bobinas seguem padrões de tamanho predeterminados, destinados a clientes gráficos, representados pela linha de papéis Chambril. Para fazer o cortado Chamex, Chamequinho e outras marcas comercializadas pela International Paper do Brasil, as bobinas continuam o processo passando pelas cortadeiras, onde são transformadas em folhas de papel cortado, adotando padrões de formato e gramatura.

  • Empacotamento

    As empacotadeiras são responsáveis por embalar o papel cortado com 100 ou 500 folhas, conforme a quantidade determinada pelas linhas Chamex e Chamequinho. Os pacotes de folhas embaladas passam a receber o nome de resmas e são agrupadas em caixas com 5, 10, 12 ou 50 unidades. Após o encaixotamento das resmas, as caixas são encaminhadas para a expedição.

  • Expedição

    Na expedição, é realizado o embarque em caminhões responsáveis pelo transporte dos papéis Chamex, Chamequinho e Chambril aos distribuidores em todo o Brasil. Os distribuidores encaminham os papéis aos pontos de venda: papelarias, livrarias, supermercados, lojas de informática, etc. Lá, você encontra toda a linha de papéis Chamex e Chamequinho para o uso perfeito em suas atividades.